24 de nov de 2011

10 conselhos para o meu filho

Li no Papo de Homem esse ótimo post com conselhos que os autores dariam aos seus filhos. Resolvi pensar, também, no que eu diria ao meu.

1 - Dance bastante. Desde pequeno, eu gosto de dançar. São momentos únicos que fazem com que eu me sinta totalmente livre para fazer o que eu quiser. Não, seu não sei dançar. Eu mexo minhas mãos para lá e para cá, rebolo até o chão, pulo, giro e grito. Não existe nada mais gostoso do que dançar a sua música favorita.

2 - Experimente de tudo - mas saiba quando parar. Não importa o que os outros digam para você, experimente. Não importa se é certo ou errado, experimente. Só experimentando, testando e errando é que você vai saber o que você realmente gosta.

3 - Assista ao show da sua banda preferida. É uma emoção muito estranha, mas é delicioso ver o seu astro cantar perto de você e sentir a vibe de milhares de pessoas soltando a voz - e chorando - junto a você.

4 - Se apaixone. E se entregue totalmente. Vai machucar. Bastante. Mas se apaixone, ame loucamente e faça tudo o que puder para que, no final, você saiba que fez tudo o que pode. Se entregar de corpo e alma para alguém dá uma sensação única de acolhimento, de proteção, de felicidade e carinho.

5 - Esqueça. Não importa o que te fizeram de mal, não importa o quanto machucou. Esqueça. Simplesmente, você não precisa lembrar das coisas ruins da sua vida.

6 - Se importe com a morte - mas só depois dos 20. Quando você começar a sentir que a vida está passando rápido demais, lembre-se que, muito em breve, você vai morrer. Até hoje, ninguém descobriu o que acontece depois. Então se importe com esse fato. Corra para aproveitar a sua vida enquanto você tem força e é jovem.

7 - Tenha manias. Eu sou cheio de manias estranhas, mas é uma forma que tenho de me divertir sozinho. Tenha as suas. Compartilhe. As pessoas vão te admirar por algumas estranhezas.

8 - Faça coisas erradas (bem escondidas). É estranho, sim. Mas é a verdade. Fazer algumas coisas erradas vez ou outra nos faz lembrar de que estamos vivos. Se preocupar para que, depois, ninguém descubra, é uma das partes mais divertidas.

9 - Tenha medo. Ter medo não é sinônimo de fraqueza. Você é um ser humano que erra e aprende. Tenha medo das pessoas, da vida, do seu futuro. Só assim você vai se preocupar e dar o seu melhor para tudo o que você fizer.

10 - Me ame. A gente vai brigar muito. Provavelmente, você vai me odiar por vários momentos. Até vai querer que eu morra mais rápido. Mas me ame, por favor, e lembre-se que, não importa o quão bravo eu ficar com você, eu vou te amar para sempre de forma incondicional. No fim, eu vou correr te abraçar e chorar. Sim, você tem um pai chorão.

4 comentários:

Anônimo disse...

bons conselho

Anônimo disse...

Olá, Caioo! :)
Hoje é seu aniversário e eu pensei em te deixar um recadinho no face, mas quero me manter anônima! Então pensei: qual o melhor lugar para fazer isso? Aqui no seu blog, concorda?
Bom, eu não te conheço pessoalmente e a gente nunca chegou a conversar por nenhuma rede social, mas eu sinto como se soubesse seus pensamentos (só por causa dos seus textos aqui).
E eu posso dizer que te admiro (e MUITO)! Você tem tantos sentimentos dentro de você e consegue expressá-los tão bem! Você tem personalidade e, por mais que eu não queira admitir, tá cada vez mais raro hoje em dia!
Por isso que estou aqui, para desejar um feliz aniversário e pedir para que você não mude seu jeito de ser, não se "ajuste" àqueles que mostram uma falsa alegria. Faça o que gosta e o que te faz realmente feliz! É claro que a gente precisa sempre mudar, mas que seja para melhor e por escolha própria! Te desejo tudo de bom no mundo, do fundo do meu coração! Tenho certeza que você merece! :)
Graaande beijo e se cuida!

will disse...

conselhos para o seu filho ou para você mesmo?

Rick disse...

Conselhos perfeitos!