1 de jun de 2011

paixão

Por que tão difícil? Por que pelas pessoas erradas? Por que pelos distantes? Por que pelos complicados? Por que pelos frios? Por que pelos desesperados? Por que tão louca? Por que tão presente? Por que tão do lado? Por que tão doída? Por que tão loira, tão alta, tão encantadora, tão fofa, tão jovem, tão... tão...

Por que não agora?

Nenhum comentário: