3 de mar de 2008

Nhé

Já é a quarta vez, lá se foi a obra de arte. Desafinando, a vida foi passando. De cor em cor, vermelho e azul, extremos de guerra e paz, a mais forte venceu. Famigerado amor, odiada dor.

Nenhum comentário: