8 de ago de 2007

Priscila Belfort

"Priscila Belfort tinha 29 anos quando desapareceu no Rio de Janeiro, em 9 de janeiro de 2004.

Irmã do lutador Vitor Belfort -- e cunhada da modelo Joana Prado, a Feiticeira --, Priscila trabalhava na Secretaria Municipal de Esportes e Lazer, no centro do Rio.

No dia do desaparecimento, Priscila acordou indisposta e resolveu pegar uma carona com a mãe, Jovita Belfort, até o trabalho. A jovem entrou no trabalho e saiu horas mais tarde, sozinha, dizendo aos colegas que ia almoçar. Foi a última vez que Priscila foi vista.

Não houve nenhum pedido de resgate. Nos meses seguintes, os parentes levantaram várias possibilidades para o sumiço, inclusive algum tipo de confusão mental. Segundo a família, ela já havia sofrido lapsos de memória no passado, mas nunca a ponto de perder o contato com os parentes."

Adoro livros de ficção, esse aí estava anunciado na Folha Online, mas nem achei no Submarino ou Saraiva... Mas sente esse sentimento triste do jornalista que escreveu essa biografia trágica, não sei como ainda não entrou no Top 10 do NYT!

Um comentário:

Jujuqui disse...

E você viu esse post?
http://www.webdesignerwall.com/trends/33-artistic-sites/

Hehehehehe \o/