9 de ago de 2007

Cansar

Será que eu posso estar cansado da vida que levo, das pessoas que conheço e daqueles com quem converso. Será que posso enjoar da minha lista de contatos do Messenger, ficar puto com os scraps que recebo no Orkut e ver que os meus e-mails não passam de spams ou fotos da última edição da Playboy. Será que eu posso não estar tão afim de usar o 'penis enlargement' e, decididamente, ter enjoado da cara e da fatura do meu cartão de crédito? Será que posso não gostar do curso que faço e querer mudar todos os textos que fiz? Será que posso mudar o meu jeito de beijar, o meu jeito de andar e o lado em que gosto de dormir? Será que posso me enjoar das minhas calças estranhas e camisetas apertadas? Será que posso deixar de escutar o que estou acostumado e querer uma coisa bem diferente e nova? Será que não gostar mais dos filmes que gostava vai mudar muito a minha vida? Será que se eu largar tudo agora e começar de novo vai ser tão difícil como parece? Será que o cômodo me incomodou?

Um comentário:

Anônimo disse...

A Mudança é inevitável. Se não mudarmos não crescemos , se não crescemos, não vivemos.